Sinopse

 É fim de semana e as crianças Ashaninka deixam a escola e partem, rio acima, para acampar com os pais e aprender a vida no rio e na mata.

 

INFORMAÇÃO SOBRE O POVO INDÍGENA

“Informações sobre os Ashaninka: Os Ashaninka têm uma longa história de luta, repelindo os invasores desde a época do Império Incaico até a economia extrativista da borracha do século XIX e, particularmente entre os habitantes do lado brasileiro da fronteira, combatendo a exploração madeireira desde 1980 até hoje. Povo orgulhoso de sua cultura, movido por um sentimento agudo de liberdade, prontos a morrer para defender seu território, os Ashaninka não são simples objetos da história ocidental. É admirável sua capacidade de conciliar costumes e valores tradicionais com idéias e práticas do mundo dos brancos, tais como aquelas ligadas à sustentabilidade socioambiental.

Mais informações: https://pib.socioambiental.org/pt/Povo:Ashaninka”

 

SOBRE O PROJETO “UM DIA NA ALDEIA”

O projeto “Um Dia na Aldeia” traz a narrativa do cotidiano, tradições e língua de diferentes povos indígenas a partir de seu próprio olhar, onde os próprios índios se filmam, entrevistam e registram imagens, fortalecendo assim sua própria história e identidade. É para acabar de vez com certos estereótipos e trazer esse olhar contemporâneo.

 

 

Direção

WEWITO PIYÃKO

WEWITO PIYÃKO - Nascido em 1978, Ashaninka do rio Amônia, afluente do rio Juruá no município de Marechal Taumaturgo, no Acre, Wewito é professor de sua aldeia, formado nos cursos da Comissão Pró-Índio do Acre em Rio Branco. Além de professor e realizador de vídeo, Valdete é um talentoso desenhista. Já participou de três oficinas de vídeo, duas na sua aldeia e uma na aldeia Yauanawá. Seu segundo vídeo sobre o cotidiano do seu tio “Shomõtsi”, fez sucesso pela sua sensibilidade e seu senso poético. Seu filme " A Gente luta mas come fruta" , documenta o manejo de recursos naturais do território Ashaninka e seu último filme, " No tempo do verão" o mundo das criancas.

Gênero: Documentário
Livre
Identidade gerações aprendizagem diversidade

Créditos

Direção e fotografia: WEWITO PIYÃKO
Roteiro: VINCENT CARELLI
Edição: FABIO COSTA MENEZES